Luís Oyama não pode ser reserva no Botafogo. Problema para Enderson

53 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Luís Oyama não pode ser reserva no Botafogo. Problema para Enderson
Vitor Silva/Botafogo

O volante Luís Oyama foi o grande nome do Botafogo na goleada de 4 a 0 sobre o Vasco. E isso sem precisar fazer um único gol. Tanto que a escolha rendeu brincadeiras por parte dos companheiros de elenco. Marco Antônio, autor de dois tentos, provocou o companheiro questionando a escolha. A situação, fruto do bom relacionamento do grupo, deixa visível um fato: Oyama não pode ser reserva no Botafogo.

Oyama é o jogador moderno, que consegue dar fluxo ao jogo. Contra o Confiança, quando entrou no segundo tempo, saiu driblanbdo os adversários para abrir espaço e quase que na jogada o Botafogo abre o placar. Do banco ele percebeu que era preciso o drible para desmontar o sólido esquema defensivo dos sergipanos.

Como não pode ser reserva, Oyama cria um problema para Enderson Moreira. Já para o duelo contra a Ponte Preta na quinta-feira. Isso porque Pedro Castro não está suspenso.

Barreto representa a zona de conforto de Enderson. Um jogador que fecha a casinha e que é necessário no atual esquema. Enderson sabe disso. Mas não vinha querendo sacrificar Pedro Castro porque as coisas estão funcionando e o time vem respondendo bem. Mas a verdade é que entre os dois, Pedro Castro hoje perde espaço.

O bom problema do treinador é reflexo de que tudo vem dando certo para o Botafogo. Os jogadores estão respondendo bem e isso é o que todo treinador deseja.

Notícias relacionadas