Frase de Luís Castro é um recado para possíveis reforços do Botafogo

38 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Frase de Luís Castro é um recado para possíveis reforços do Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

Luís Castro enfim chegou ao Botafogo. Muito firme em sua apresentação, parece ter passado confiança para a maioria dos torcedores. Mas uma frase sua me chamou atenção e deixa claro um recado para possíveis reforços do Glorioso: só talento não adianta.

Em uma de suas primeiras frases na entrevista, quando falava sobre o que encontrou no clube, Castro disse:

-No futebol existem pessoas com talento e sem vontade nenhuma de trabalhar. No Botafogo há muita gente com talento e com trabalho e isso facilita as coisas – disse ele, sem se referir a contratações, mas ao contato com o plantel.

Apesar de não estar falando em reforços, o treinador sinaliza sobre o perfil que o Botafogo procura no mercado. Com dinheiro no bolso, John Textor mira tudo o que cabe no seu bolso. O Botafogo precisava disso para sua autoestima por conta de anos sem dinheiro para pagar a conta de luz. Entretanto, mais importante do que isso, é alguém como Luís Castro para colocar ordem nessa lista de prioridades.

Luís Castro pode ajudar a guiar reforços

Luis Castro e John Textor vão ajudar a reerguer o Botafogo Foto: Vitor Silva/Botafogo

Pouco antes de Valdir Espinosa morrer conversava com ele sobre a formação do elenco de 1989. O grupo que tiraria o o Glorioso do jejum. E ele me contou que a sua primeira missão foi acalmar o desejo de Emil Pinheiro de contratar grandes jogadores. Emil contratava veteranos consagrados como Éder Aleixo e Cláudio Adão, jovens que apareciam do nada, como Carlos Magno, e por aí vai. Com Espinosa o Botafogo foi ao mercado de forma certeira. Fato que foi decisivo para o título.

Textor tem muita vontade de reforçar o Glorioso. E isso é ótimo. Mas agora acredito que teremos um norte ainda melhor na busca por esses nomes. E quem chega já fica sabendo que só talento não vai resolver. O novo treinador me passou confiança. E para você, torcedor?

Notícias relacionadas