Carlos Eduardo Sangenetto
07/07/2017
Enviado especial a Montevidéu (URU)

Foi pênalti? Foi. A torcida dos caras ficou boladíssima? Pô… a chiadeira no estádio contra as decisões do árbitro chileno Julio Bascuñan foi demais, vocês não tem ideia. E, pegando carona nas lamentações da infração não marcada de Victor Luís a favor do Nacional-URU, o jornal Ovación manifestou seu “protesto” na capa da edição desta sexta-feira, dia seguinte à vitória do Botafogo sobre o Nacional-URU, pelas oitavas de final da Libertadores.

A “tapa” do Ovación manchetou: “Nem uma mãozinha”, criticando a atuação do árbitro da partida, que, segundo a publicação, “devorou o Nacional” em pleno Gran Parque Central, em Montevidéu.

A bronca foi grande, amigos.
Saudações alvinegras!

Capa do jornal uruguaio Ovación após vitória do Botafogo