Carlos Eduardo Sangenetto
05/11/2017
Rio de Janeiro (RJ)

Assim que o Fluminense marcou o gol da virada sobre o Botafogo, no fim do clássico deste sábado, uma confusão foi iniciada no Setor Leste Inferior do Estádio Nilton Santos, onde está localizada a Loucos Pelo Botafogo, principal torcida organizada do Fogão.

Cerca de 30 torcedores, próximos ao núcleo da barra brava alvinegra, xingaram o técnico Jair Ventura, mas logo foram abafados por membros da Loucos, que seguiram, na medida do possível, apoiando o time até o apito final. A atitude não agradou aos revoltados, que dispararam ofensas para os organizados. A briga entre as duas partes, que chegou às vias de fato, começou e apenas parou após a utilização de spray de pimenta pela Polícia Militar. A Loucos pelo Botafogo informou ao Boletim do C.E que publicará neste domingo uma nota oficial sobre o ocorrido.

Esta não foi a única confusão registrada no Nilton Santos pelo blog. Os ânimos exaltados também provocaram muito bate-boca entre botafoguenses. Além dos questionamentos sobre as mexidas de Jair na equipe, o goleiro Gatito Fernández também foi pivô de discussões acaloradas: “Fora, Gatito! Volta, Jefferson!” e “Você é um torcedor de merda, volta para casa, o Botafogo não precisa de você!” foram algumas exclamações.

Você testemunhou a confusão ou também participou de alguma discussão no fim da partida? Jair e Gatito foram os principais responsáveis pela derrota ou foi o time inteiro que vacilou? Dê sua opinião nos comentários abaixo. Vamos debater, mas com respeito, sempre.

Saudações alvinegras!

Briga na torcida Loucos Pelo Botafogo após a derrota para o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro

Briga na torcida Loucos Pelo Botafogo após a derrota para o Fluminense, pelo Campeonato BrasileiroBriga no núcleo da Loucos Pelo Botafogo desperta atenção de torcedores na arquibancada
(Fotos: FOGÃONET)