TV destaca diferença das campanhas fora e dentro de casa do Botafogo no Brasileirão-2022, e jornalista fica sem palavras: ‘É difícil de explicar’

23 comentários

Carlos Eduardo Sangenetto

Carlos Eduardo Sangenetto

Compartilhe

Rogério Corrêa e Carlos Eduardo Lino em Atlético-MG x Botafogo | Campeonato Brasileiro 2022
Reprodução/SporTV

Ao mesmo tempo um terror como visitante e um péssimo mandante. A diferença na campanha do Botafogo dentro e fora de casa no Brasileirão-2022 foi ressaltada no pré-jogo do SporTV do duelo do Glorioso contra o Atlético-MG na noite desta segunda-feira (7/11), no Mineirão, pela 36ª rodada do torneio nacional.

O jornalista Carlos Eduardo Lino, comentarista da partida, não conseguiu expressar tanto em palavras tal disparidade, que acabou marcando o time treinado por Luís Castro nesta temporada.

O Botafogo dentro de casa estaria na Segunda Divisão de novo. O Botafogo fora de casa estaria brigando por Libertadores. O Botafogo é difícil de explicar – resumiu Lino.

Você é pago para isso, Lino (risos). Vai ter que dar seu jeito. Realmente, o Botafogo ninguém explica, enche seu estádio, a torcida esperando a vitória… – complementou e brincou o narrador Rogério Corrêa.

Dos 18 jogos disputados no Estádio Nilton Santos, o Botafogo venceu apenas cinco vezes, empatou quatro e foi derrotado em nove oportunidades. Em 54 pontos disputados, somente 19 foram conquistados diante dos torcedores. Resta mais uma partida, a última do ano em casa, contra o Santos, dia 10/11, às 20h.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas