Acertado, Jorge Wagner receberá R$ 180 mil de salário e luvas até dezembro

Compartilhe:

O Botafogo ainda não sabe se disputará a Copa Libertadores em 2014, mas já deu início ao planejamento para a temporada que vem. Com medo de perder boas oportunidades no mercado, a diretoria do clube fechou o primeiro reforço: Jorge Wagner, que defende o Kashiwa Reysol-JAP. O meia, ex-São Paulo e Internacional, já assinou uma carta de intenções e fechará com o clube em definitivo no fim de dezembro, quando seu vínculo com o clube japonês expirará.

O UOL Esporte apurou que, no pré-contrato assinado, o jogador acertou salários de R$ 180 mil – o valor é a soma do vencimento mensal com as luvas, divididas em 12 meses. A diretoria do Botafogo, no entanto, não confirma a contratação de forma oficial, já que o foco é a reta final do Campeonato Brasileiro e a classificação para a Libertadores.

O nome é um consenso na diretoria, que consultou o técnico Oswaldo de Oliveira. O treinador disse não ter partido dele a indicação. Porém, assim que perguntado, deu total aval para a chegada de Jorge Wagner. O apoiador, atualmente com 35 anos, está no futebol japonês desde 2011 e acumulou conquistas com a camisa do Kashiwa Reysol, como principal referência da equipe.

No Botafogo, Jorge Wagner chegaria para ser titular do meio de campo ao lado de Seedorf, com 37 anos. A experiência da dupla é vista como fundamental para mesclar com a juventude dos atletas das categorias de base, cada vez mais utilizados em General Severiano. Além disso, o holandês tem seu contrato terminando em julho de 2014 e ainda não se decidiu sobre os próximos passos na carreira.

O Botafogo será o 9º clube de Jorge Wagner em 16 anos de carreira. Antes, ele já defendeu equipes como São Paulo, Corinthians e Internacional, após ser revelado no Bahia, em 1998. Apesar da idade, o apoiador disputou 40 jogos no ano, sendo titular em 33 na última temporada pelo Kashiwa Reysol.

Fonte: UOL

Comentários