Referência do Botafogo na Libertadores, Tanque Ferreyra estava sumido, sendo pouco utilizado. O atacante voltou em grande estilo, titular no clássico contra o Fluminense (vitória por 2 a 0). Aplaudido pela torcida e elogiado por Vagner Mancini, o argentino aposta na garra para seguir no time.

– Sei das características que tenho e o que posso fazer dentro de campo. Eu faço as coisas que sei fazer. O que não sei, não faço. Acho que quando a situação está como atualmente, é preciso lutar e ir em busca de todas as bolas. O mais importante foi que vencemos o clássico, e isso vai nos dar confiança para continuar subindo na tabela – afirmou.

Mesmo enquanto esteve no banco de reservas, El Tanque não desanimou.

– Mesmo não jogando, sabia que precisava estar bem fisicamente e treinava muito dia a dia para melhorar, pois precisava estar pronto quando o treinador precisasse. Espero ter outras oportunidades. Tomara que o treinador tenha gostado do meu trabalho no clássico e que deseje continuar a contar comigo – comentou.

Fonte: Redação FogãoNET