GATITO: 9,0
Segurança no jogo todo e uma defesa gigante no final que evitou o pior

EMERSON: 5,5
Foi bastante ao ataque, sem levar perigo real. Na defesa, alternou momentos e deixou alguns espaços

CARLI: 6,5
Foi mal na cobrança de falta que resultou no gol do Atlético-MG. No resto do jogo, se impôs e foi bem

EMERSON SILVA: 4,5
Incompreensível seu retorno como titular. Sem ritmo, voltou mais lento e deu bobeadas que quase custaram caro

VICTOR LUIS: 6,0
Faz seu papel na marcação e ajuda o time a sair para o jogo. Já foi mais efetivo ofensivamente

RODRIGO LINDOSO: 6,5
Teve trabalho na marcação e voltou a mostrou qualidade na distribuição das jogadas

JOÃO PAULO: 7,0
Melhor do time hoje na linha, lutou muito no meio e teve inteligência com a bola

BRUNO SILVA: 6,0
A intensidade de sempre, mas faltou efetividade. Perdeu duas boas chances. Na segunda, pareceu displicente

CAMILO: 5,0
Escondido no primeiro tempo, melhorou no segundo. Quando começou a aparecer mais e participar, foi substituído

RODRIGO PIMPÃO: 5,0
Muito esforço e participação, mas não produziu ofensivamente

ROGER: 5,0
Isolado na frente, brigou, porém não segurou a bola. Discreto no jogo

GUILHERME: 5,0
Entrou para dar mais gás e mobilidade, só que ficou perdido no meio e prendeu demais a bola

VINICIUS TANQUE: 5,0
Nada produziu

FERNANDES: Sem nota
Não foi notado em campo

JAIR VENTURA: 5,0
A consistência do seu time permitiu um jogo equilibrado. Não deu para entender Emerson Silva como titular, Guilherme no lugar de Camilo nem Vinicius Tanque entrando

Fonte: Redação FogãoNET