O Botafogo conseguiu reverter na Justiça a penhora da renda do primeiro jogo da decisão do Campeonato Carioca, contra o Vasco da Gama, no Maracanã. Após a partida, o clube teve R$ 240.574,00 retidos na área cível devido à dívida antiga adquirida em 2002, com a construtora Guedes Carvalho, na gestão do ex-presidente Mauro Ney.

Fonte: Globoesporte.com