Ainda em busca de mais dois ou três nomes para a disputa do Campeonato Brasileiro, o Botafogo sonda de perto a situação de Rincon, atacante da Cabofriense e que encerrou o Campeonato Carioca com quatro gols em oito jogos pela equipe da Região dos Lagos.

O LANCE! apurou que há conversas com o empresário do jogador de 24 anos, Bismarck (ex-atleta do Vasco e da Seleção Brasileira), Cabofriense e Santa Cruz-RJ, clubes que detêm os direitos econômicos de Rincon, cujo escopo converge para um empréstimo até o fim desta temporada, a princípio.

Por falar em Santa Cruz, foi pela equipe da Zona Oeste do Rio que Rincon deu os primeiros passos como profissional. Em duas temporadas, marcou 23 gols em 32 partidas. Agora, caso assine com o Botafogo, que acredita que o negócio pode ser firmado em “médio prazo”, disputará por vaga com Diego Souza, Kieza e Igor Cássio – este último, de 20 anos, oriundo da base.

Outro jogador da Cabofriense que chegou a ser procurado antes do fim do Carioca atende por Anderson Rosa. Rosa é meia (apoiador) e outro que está no radar, como esteve Maxwell, atacante de características parecidas a de Rincon, que, após um ótimo rendimento no Estadual pelo Resende, ficou perto de General Severiano, porém se transferiu para o Kalmar FF, da Suécia.

Além de Maxwell, já citado, Rafael Moura (sem clube), Wellington Tanque (Vissel Kobe-JAP) e Tréllez (agora no Internacional) já haviam sido procurados para a vaga de centroavante.

Pressionada, a diretoria alvinegra corre para se reforçar.

Fonte: Terra