Sem sequer levar perigo ao gol adversário nos 90 minutos, o Botafogo atrapalhou a noite dos casais alvinegros que foram ao Estádio Nilton Santos no Dia dos Namorados e perdeu para o Grêmio por 1 a 0 nesta quarta-feira. Foi a primeira derrota do Glorioso atuando no Rio neste Campeonato Brasileiro, o que fará o clube perder posições antes da parada para a Copa América.

O Grêmio começou o jogo melhor, com mais toque de bola e atuando de forma mais incisiva, e conseguiu assustar logo no segundo minuto, em jogada individual de Diego Tardelli que parou na boa intervenção do goleiro Diego Cavalieri. O Botafogo, aos poucos, foi equilibrando o jogo, mas não conseguiu criar nada de efetivo na etapa inicial.

Na segunda etapa, o panorama não mudou muita coisa. Sem muita inspiração, o Botafogo viu o Grêmio ser ligeiramente superior, mas os gaúchos também não protagonizaram grandes emoções no jogo. Num jogo morno, o Tricolor Gaúcho chegou à vitória na bola parada. Aos 35, Jean Pyerre cobrou falta quase na risca da grande área e jogou no canto de Diego Cavalieri: 1 a 0.

Próximos jogos

O Campeonato Brasileiro para agora para a Copa América e só retorna em julho. O próximo compromisso do Botafogo será contra o Cruzeiro, no Mineirão, nos dias 13 ou 14 de julho. Depois, recebe o Santos, nos dias 20 ou 21, no Estádio Nilton Santos.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 0 X 1 GRÊMIO

Estádio: Nilton Santos
Data/Hora: 12/06/2019 – 19h15
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (PB)
Assistentes: Bruno Salgado Rizo (PB) e Evandro de Melo Lima (SP)
VAR: Marcio Henrique de Gois (SP)
Renda e público: R$ 495.344,00 / 15.840 pagantes / 17.757 presentes
Cartões amarelos: Yuri (BOT); Thaciano e André (GRE)
Cartões vermelhos:
Gols: Jean Pyerre 35’/2ºT (0-1)

BOTAFOGO: Diego Cavalieri; Fernando, Carli, Gabriel e Gilson; Cícero, Alex Santana e João Paulo (Lucas Campos 22’/2ºT); Erik (Lucas Barros 35’/2ºT), Luiz Fernando (Yuri 22’/2ºT) e Diego Souza – Técnico: Eduardo Barroca.

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo Gomes, Michel, Rodriguez (Darlan 15’/2ºT) e Juninho Capixaba; Rômulo, Maicon e Jean Pyerre; Alisson, Diego Tardelli (Pepê 31’/2ºT) e Felipe Vizeu (André 35’/2ºT) – Técnico: Renato Gaúcho.

Fonte: Redação FogãoNET