Desde o fim da última semana, o cargo remunerado de diretor executivo do Botafogo está vago e assim poderá ficar até o fim do ano. Diante da crise financeira do clube, Sérgio Landau abriu mão dos salários, mas garantiu que vai seguir como colaborador do presidente Maurício Assumpção, exercendo as mesmas funções, principalmente em relação aos preparativos para a reabertura do Engenhão, até o fim do ano. Por isso, ele acredita na possibildiade de o Glorioso não contratar um substituto neste momento.

– Não saí do clube, continuo como colaborador. E não sei se há uma previsão para a contratação de um outro profissional. Talvez nem tenha um substituto, porque eu vou continuar fazendo as mesmas coisas – disse Landau, que vai procurar outro emprego como fonte de renda.

Após pouco mais de cinco anos em General Severiano, Landau abdicou dos salários para que o clube tenha uma despesa a menos num momento de caos financeiro. Na última semana, o Alvinegro anunciou que torcedores ilustres irão colaborar com o pagamento dos salários do elenco, que estão atrasados em dois meses, até o fim desta temporada.

Fonte: Extra Online