Gottardo descarta punição do Botafogo a Sheik: ‘Quero ele jogando do meu lado’

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

O convidado do Expediente Futebol, Antônio Lopes, falou sobre a polêmica de Emerson Sheik: “Se eu fosse o treinador ou gerente do Botafogo, pediria uma punição para ele”.

O diretor de futebol do Botafogo, Wilson Gottardo, defendeu o jogador.

“Vou punir o Emerson quantas vezes? Duas, três? Ele já está sendo punido por uma certa perseguição. Sofreu falta no meio, o juiz não deu, sofreu outra, reclamou e levou o amarelo. Não posso punir o Botafogo por erros de outros. Ele tem sua importância, será feita avaliação do seu comportamento pelo STJD, mas quero o Emerson jogando do meu lado. É um atleta aguerrido e disposto a ajudar”, afirmou.

Notícias relacionadas