A morte de Nilton Santos na tarde de quarta-feira deixou todos no Botafogo com a vontade de prestar homenagens ao ídolo. Entre os jogadores do atual elenco, conseguir a classificação para a Taça Libertadores jáé tratada como uma delas. Mas há outras em andamento como até o apoio a a troca do nome do Estádio Olímpico João Havelange para o do ídolo.

Lateral-esquerdo como Nilton Santos, Julio Cesar demonstrou muita tristeza pela morte do ex-jogador. Ele lembrou sua chegada ao clube, quando fez referências a grandes nomes de sua posição que haviam atuado pelo Botafogo.

– É uma semana triste, principalmente para torcedor, que perdeu seu grande ídolo, e a família. Nós, laterais-esquerdos do Brasil, devemos muito a ele. Quando cheguei ao Botafogo, falei do Nilton e também do Marinho Chagas, que passava por um momento difícil. É importante se preocupar com o passado em um clube com uma história bonita como a do Botafogo. O grupo vai fazer de tudo para conseguir a classificação para a Libertadores para os torcedores e o Nilton – disse Julio Cesar.

Pelas redes sociais, os jogadores também se manifestaram. O volante Gabriel teve a chance de conhecer Nilton Santos este ano, quando levou a taça de campeão carioca para o ídolo. Ele entrou na campanha para passar a chamar o Engenhão de Estádio Olímpico Nílton Santos.

– Hoje o Céu está em festa, já a terra chora… Descanse em paz Nilton Santos, que Deus conforte toda a família!!! Um ídolo como você merece ser o novo nome do Engenhão, EU APOIO!!! – escreveu Gabriel em seu perfil em uma rede social.

Rafael Marques e o jovem Octávio foram outros que prestaram homenagens ao ex-jogador. O enterro será nesta quinta-feira, às 16h, no Cemitério São João Batista. O corpo está sendo velado em General Severiano.

Fonte: Globoesporte.com