A derrota por 1 a 0 para o Unión Española, nesta quarta-feira, deixou o Botafogo em situação complicada no grupo 2 da Copa Libertadores-2014. Em vez de garantir classificação às oitavas de final – o que teria acontecido em caso de vitória -, o time carioca precisa agora buscar a vaga fora de casa, contra o campeão argentino San Lorenzo, na próxima quarta-feira. Como apenas uma vitória é suficiente para garantir o Alvinegro sem que dependa de rivais, o técnico Eduardo Hungaro prometeu uma atitude ofensiva no Nuevo Gasómetro.

“A gente não joga bem quando recua. Nossos melhores momentos na competição foram quando jogamos em cima. Hoje (contra o Unión Española) os melhores momentos foram quando jogamos em cima. Agora, é como eu sempre falo, o jogo de futebol é um jogo de imposição. Vamos tentar nos impor, ser melhores do que eles e jogar em cima para buscar a vitória. Até porque o empate não nos dá total garantia de classificação. Dependendo do resultado do Independiente Del Valle contra o Unión Española, se conseguirem uma vitória acima de dois gols, o empate não nos classifica”, afirmou Hungaro, ainda no Maracanã após a derrota de quarta.

“Não tem que pensar em empate, tem que ir lá jogar e ver com o resultado se vamos classificar ou não, que eu tenho muita esperança. Vale lembrar que hoje somos segundos na chave, e se terminasse hoje estaríamos classificados”, completou o treinador.

O grupo B é liderado pelo classificado Unión Española, com 9 pontos. O Botafogo é o vice-líder, com 7, seguido por Independiente Del Valle e San Lorenzo, ambos com 5. O time carioca também pode avançar de fase com um empate, contanto que o Independiente Del Valle não vença o Unión Española por três ou mais gols de diferença no estádio Santa Laura, em Santiago. Uma derrota elimina o Alvinegro.

Ambas as partidas que decidem o grupo 2 acontecerão às 22h (de Brasília) da próxima quarta-feira.

Fonte: ESPN.com.br