‘Ideia é jogar no Caio Martins no Campeonato Carioca de 2016’, revela presidente

Compartilhe:

O Botafogo pode passar a jogar em uma “nova antiga casa” no próximo ano. Sem poder contar com o Engenhão em 2016, voltar a atuar no Estádio Caio Martins entrou na pauta alvinegra. O presidente Carlos Eduardo Pereira tem um estudo para viabilizar o retorno à casa que trouxe alegrias ao torcedor na Série B de 2003.

“A ideia é jogar em Caio Martins no Campeonato Estadual de 2016”, revelou o dirigente alvinegro. Em entrevista exclusiva ao Terra , Carlos Eduardo Pereira falou sobre a relação com o Fluminense, os primeiros meses de mandato, a situação do ex-presidente Maurício Assumpção e o trabalho da dupla René Simões e Antônio Lopes.

Voltar a treinar em General Severiano é uma das promessas da nova diretoria e a reforma do gramado da sede está em andamento, após a retirada do gramado sintético. “A gente quer que General Severiano volte a ser a sede do departamento de futebol”.

Terra – Quais são os passos para fechar o primeiro ano de mandato? 

Carlos Eduardo Pereira – A reforma dos gramados de Caio Martins e de General Severiano são uma marca nossa, um compromisso, mas precisamos reorganizar o clube para que ele funcione de forma transparente e clara, prestando contas e divulgação dos balanços. Ainda não deu para fazer uma grande contratação porque estamos fazendo dentro da nossa limitação, do nosso patamar. O conjunto da ações está bom e não tem nenhum arrependimento, não.

Terra – O futebol profissional voltará para General Severiano e o da base terá melhores condições em Caio Martins? 

Carlos Eduardo Pereira – A hora que tivermos que entregar o Estádio Nílton Santos para o comitê olímpico, a gente quer que General Severiano volte a ser a sede do departamento de futebol. Temos toda a estrutura do futebol montada no nosso CT, com quartos, sala de musculação e podemos treinar em tempo integral. Com isso, vamos aproximar o futebol do sócio do clube. Em Caio Martins, a questão é concentrar tudo por lá e no Cefat também. Temos que reduzir as distâncias da base para diminuir os custos também.

Terra – Caio Martins pode voltar a ser estádio para o futebol profissional? 

Carlos Eduardo Pereira – Temos um estudo para 2016 porque não vamos contar com o Estádio Nílton Santos e o Maracanã. Com isso, vamos buscar uma parceria para voltar a jogar lá. A ideia é jogar em Caio Martins no Campeonato Carioca de 2016.



Fonte: Terra
Comentários