Após a semana conturbada que marcou os bastidores do Botafogo, Nelson Mufarrej apareceu no Estádio Nilton Santos na manhã deste sábado para ver o velório de Mendonça. Além disse, o presidente do Alvinegro acompanhou o treino dos jogadores, que completaram dois meses de salários atrasados na última sexta-feira. O mandatário falou sobre a situação.

“A questão está sendo tratada, nós vamos resolver. Não é só o Botafogo está passando por essa dificuldade, outros clubes também. Isso está sendo tratado com muito empenho da nossa parte, 24 horas por dia para que possamos regularizar os salários. Evidentemente, ninguém gosta de atrasar, mas aconteceu. Digo que estamos trabalhando para sanar esse grande problema. Não tem prazo, mas estamos trabalhando para uma solução”, afirmou.

Em forma de protesto, os jogadores resolveram não dar entrevistas e nem participar de ações de marketing junto ao clube até que a situação seja resolvida. Mufarrej encontrou o elenco profissional com esta decisão tomada pela primeira vez.

“Estive no treino cumprimentando a todos. A comissão técnica já passou tudo para eles. Eles continuam, torcendo para que a gente consiga resolver esse problema. Vamos resolver, tenho certeza, só não tenho prazo, porque não gosto de dar prazos, espero resolver o mais rápido possível”, completou.

Apesar dos problemas financeiros e do protesto fora das quatro linhas, os jogadores do Botafogo respeitaram a programação de treinos normalmente. O Alvinegro retorna aos gramados no próximo dia 14, para enfrentar o Cruzeiro, no retorno do Campeonato Brasileiro.

Fonte: O Dia Online