Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Protesto tenso no Engenhão: PMs, morteiro e perseguição a carro de zagueiro

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Cerca de 30 torcedores do Botafogo fazem um protesto na saída do estacionamento do Engenhão, onde o time reserva treinou durante a tarde desta desta quinta-feira. Um morteiro foi lançado do lado de fora do estádio, enquanto o lateral Edilson concedia entrevista coletiva.

Por causa do clima de tensão, duas viaturas da Polícia Militar estão posicionadas no local. Os PMs, inclusive, estão preparados com bombas de gás para inibir qualquer ato de violência. Os seguranças do clube também estão de prontidão.

Já do lado de dentro do estádio, alguns jogadores ficaram receosos de deixar o local. Para evitarem maiores problemas, alguns atletas deixaram o Engenhão por outro portão. No entanto, como precisava dar a volta, o zagueiro André Bahia passou em frente ao local onde estão os manifestantes. Ao perceberem que se tratava do defensor, os torcedores correram em direção ao veículo. André, então, acelerou e deixou a via com pressa.

Notícias relacionadas
Comentários