Reforços não vingam no Botafogo-2014 e ainda impedem chegada de Robinho

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Após voltar a Libertadores, o Botafogo decidiu que priorizaria a competição continental e utilizou uma equipe reserva para a disputa do Carioca. Por esse motivo, o Alvinegro contratou uma grande quantidade de atletas de qualidade questionável, tornando o elenco inchado. O problema é que dos 15 reforços, dez deles não vingaram, ocuparam o orçamento do futebol e, indiretamente, impediu a chegada de Robinho, oferecido recentemente.

Para a atual temporada, a diretoria contratou mais de um time. Muito deles, é verdade, vieram apenas para compor o elenco, casos de Helton Leite, Alex e Anderson. Outros, no entanto, decepcionaram: Jorge Wagner, Wallyson, Tanque Ferreyra, Ronny, Mario Risso Airton e Rodrigo Souto. De todos eles, apenas Sheik, Zeballos, Carlos Alberto, Bolatti e Júnior Cesar conseguiram destaque em algum momento.

A prática consiste em uma mudança no planejamento do Botafogo, que contava com Seedorf no elenco até o início do ano. O salário do holandês era de R$ 700 mil, apenas R$ 100 mil a menos do que Robinho pede para defender o Alvinegro. Porém, com a quantidade de atletas contratados até o momento, o time de General Severiano ficou sem verba para investir no atacante ex-Santos e seleção brasileira.

Se Robinho está gora da realidade, outros jogadores interessam o Botafogo para a restante da temporada. O principal alvo é Vitinho, mas a negociação com Vitinho é bastante complicada. Renato Augusto, do Corinthians, é uma segunda opção, embora também não seja fácil. Um atacante de velocidade está entre as prioridades e Jorge Henrique interessa a diretoria, que encontra resistência do Internacional.

Além dos atacantes, o Botafogo procura três jogadores para o meio de campo – dois apoiadores e um volante. Os jogadores de criação procurados precisam ter facilidade para chegar ao ataque. Já o jogador com características de marcação dependerá da renovação ou não de Airton, que conversará com o Alvinegro na próxima semana.

O Botafogo está de ‘folgão’ por conta do recesso da Copa do Mundo e só voltará aos treinamentos no dia 16 de junho. O Alvinegro planeja uma semana de treinamento em Saquarema e o restante dos treinamentos ocorrerão no Cefan, no bairro da Penha. O time de General Severiano só voltará a campo no dia 16 de julho, contra o Sport, em Recife.

Notícias relacionadas