Sassá entrou em campo quando o Botafogo já vencia o Madureira por 2 a 0. Teve uma chance de gol, lutou, correu, mas não foi efetivo. Assim que o adversário diminuiu, ele foi o escolhido por Eduardo Hungaro para sair, para a entrada do volante Fabiano. Irritado, não queria deixar o campo, mas o fez. Ele foi impedido pelo clube de dar entrevistas e foi acalmado pro Henrique.

– Você entrar e sair não é tão legal. Aconteceu comigo ano passado, contra o Flamengo, mas foi por motivo tático. Falei que infelizmente teve que tirar ele para colocar o Fabiano e fechar o meio. Ele entendeu e não teve problema – minimizou Henrique ao PFC.

Fonte: Redação FogãoNET