Mais um tropeço do Botafogo no Campeonato Brasileiro. Dessa vez, diante do Vitória, neste domingo (27), no Nilton Santos. Depois de sair atrás do placar, o Alvinegro conseguiu apenas o empate e perdeu a chance de dar um salto na tabela da competição. Os gols foram marcados por Denílson, para os visitantes, e Kieza, a favor dos cariocas.

Após o jogo, o técnico Alberto Valentim reconheceu que o Botafogo não fez boa partida. O treinador analisou que houve lentidão na posse de bola e dificuldade na criação de jogadas.

“Primeiro tempo muito ruim, time lento na posse. Segundo tempo melhorou um pouco, mas muitas bolas longas, era para alternar a posse. Não foi aquele segundo tempo que a gente poderia fazer. Preciso analisar bem para saber qual será a equipe que vai enfrentar o São Paulo na quarta-feira”, disse.

“A gente precisa ter mais oportunidades, caprichar nas chances que aparecem e precisamos melhorar para esse campeonato”, encerrou.

Com o resultado, o Botafogo cai para a 12ª colocação do Brasileirão, com nove pontos. O próximo desafio é diante do São Paulo, no Morumbi, às 21h (de Brasília), pela oitava rodada.

Veja outros temas:

“Para se fazer um campeonato tranquilo é preciso vencer jogos fora. Se quisermos pensar mais alto, precisamos fazer com que as vitórias venham fora também”.

Entrada de Aguirre

“Ficou cinco meses sem jogar. Agora entrou com um pouco mais de minutos. A ideia é que vá ganhando minutos pra se condicionar melhor. Quem vai ser titular ou não veremos na terça”.

Vaias após o jogo

“Bati palma agradecendo ao torcedor que veio, agradecendo a presença dos poucos que vieram. Vamos precisar do torcedor no nosso lado. Por isso agradeci, meus aplausos foram em agradecimento aos poucos que vieram. Ver seu time sem jogar bem, as vaias são normais, sabemos que é assim”.

Ausência da torcida

“Agradecer quem veio porque sabemos das dificuldades que o país esta vivendo”.

Gustavo Bochecha vaiado

“Um garoto de muita personalidade. A vida de jogador de futebol não é fácil e tem que ter personalidade para reverter isso. Não é que ele estava mal, mas fiz uma alteração para o time jogar mais”.

Fonte: Esporte Interativo