Pela primeira vez, o volante Willian Arão falou sobre o imbróglio judicial com o Botafogo pela renovação de seu contrato. Acertado com o Flamengo, o jogador recusou o depósito de R$ 400 mil previsto em contrato que renovava automaticamente o vínculo até 2017 com o Alvinegro.

– Meu pai e meus advogados estão cuidando dessas coisas e só falo quando estiver tudo resolvido. Tudo vai se resolver da melhor forma possível. Eles sabem o que é melhor para mim e deixo tudo nas mãos deles – disse o jogador ao site Globoesporte.com, falando também sobre a temporada:

– Tive uma temporada perfeita. Conquistamos todos os nossos objetivos. Chegamos à final do Carioca, conseguimos o acesso no Brasileirão e encerramos recebendo um prêmio. Foi uma temporada praticamente perfeita.

Flávio Arão, pai do jogador, desabafou sobre a situação:

– Esse assunto me dá queimação no estômago, mas está próximo de ser resolvido.

Fonte: Globoesporte.com