O Botafogo foi derrotado pelo Fluminense no último domingo por 1 a 0, pelo Campeonato Brasileiro. Acima dos naturais protagonistas, o duelo ficou marcado pelo estado ruim do gramado do Maracanã, que atrapalhou jogadas dos atletas de ambas as equipes. Sobre isso, o goleiro Saulo destacou, à “Rádio Globo”, que o campo realmente não ajudou o alvinegro.

– Atrapalha bastante, não só o goleiro como também o jogador de linha. O jogo não fica muito bom, não favorece muito a gente, que procura ter um jogo de posse de bola. O gramado atrapalhou bastante, mas assim como atrapalhou pra gente atrapalhou pra eles (jogadores do Fluminense) também – disse.

Apesar do resultado negativo, o goleiro destacou a atuação do Botafogo, principalmente no segundo tempo. Na opinião de Saulo, o único fato que faltou para coroar a atuação do time de General Severiano foi a bola balançar as redes.

– Jogamos bem, acho que faltou só o gol. Voltamos ainda melhores para o segundo tempo e só faltou o gol. Mas agora não tem o que lamentar, já passou. É trabalhar durante a semana e pensar no América – afirmou.
Com 26 pontos, o Botafogo está atualmente na 15ª posição do Campeonato Brasileiro, estando a dois pontos do Sport, primeiro clube na zona de rebaixamento. Na opinião de Saulo, a partida contra o América-MG é de extrema importância e o goleiro acredita no triunfo.

– A gente vê como obrigação (a vitória). A gente não tem conseguido o resultado que queremos e a oportunidade é agora. Domingo, contra o América, no Nilton Santos. Temos que trabalhar forte durante a semana para fazer um jogo no domingo – falou.

Contra o Fluminense, a equipe titular do Botafogo apresentava seis jogadores da base, enquanto que outros cinco estavam no banco de reservas. Em um elenco jovem, Saulo acredita que a pressão gerada pela posição ruim atrapalha todos os jogadores do elenco.

– Acho que não apenas os jovens, mas essa situação chateia todo mundo. A equipe sabe o que tem fazer e estamos tentando colocar isso em prática durante os jogos e tenho certeza que se a gente trabalhar forte durante a semana vamos reencontrar o caminho das vitórias – completou.

Rodrigo Lindoso teve a chance de empatar a partida nos minutos finais, mas sua cobrança de pênalti parou nas mãos de Rodolfo. Apesar disso, Saulo garante que o volante vai conseguir superar essa situação.

– Acontece. Perder um pênalti assim acontece. Eu tento passar o máximo de força possível, Lindoso é um cara tranquilo, um cara de cabeça boa e tenho certeza que ele vai saber passar por esse momento e voltar melhor para o próximo jogo – finalizou.

Fonte: Terra e Rádio Globo