O que se viu no primeiro tempo foi um massacre do Bahia. Não no placar, mas no número de finalizações: 13 contra 2 do Botafogo. A torcida alvinegra chegou a ficar apreensiva em alguns momentos. Principalmente quando Fernandão e Obina fizeram os gols da virada (2 a 1) neste domingo, no Maracanã. Ao fim do jogo, devem ter cansado de assistir chutes e mais chutes dos tricolores na direção de Jefferson. Ao todo foram 23, feito que nenhum clube conseguiu contra os cariocas neste Campeonato Brasileiro.

O jogo em que os comandados de Oswaldo de Oliveira haviam permitido mais finalizações do adversário foi contra o Cruzeiro, no primeiro turno, terceira rodada, com 21. Na ocasião, porém, o Glorioso saiu vencedor com o placar de 2 a 1. Mas desta vez não deu. Com o 2 a 1 do Bahia, a equipe agora está oito pontos atrás do líder.

– Não estivemos bem no jogo inteiro. O time não se encontrou. Os que voltaram acabaram sentindo. O retorno do Gabriel eu gostaria que tivesse acontecido um pouco depois, mas a contusão do Renato provocou esse retorno. O Dória foi outro que não esteve bem. Por isso digo que o Bahia venceu com méritos – explicou Oswaldo de Oliveira após a partida.

O time volta a entrar em campo na próxima quarta-feira, diante do Flamengo, às 21h50m (de Brasília), pelas quartas de final da Copa do Brasil. Pelo Brasileiro, o próximo compromisso acontece sábado, às 21h (de Brasília), contra a Ponte Preta, novamente no Maracanã.

Veja na tabela abaixo quantas finalizações o Botafogo sofreu por rodada:

RodadaAdversárioFinalizações sofridas
1Corinthians12
2Santos15
3Cruzeiro21
4Bahia 11
5Ponte Preta10
6Fluminense17
7Grêmio9
8Náutico12
9Flamengo18
10Vitória7
11Vasco16
12Atlético-MG13
13Goiás14
14Inter10
15Portuguesa15
16Atlético-PR12
17São Paulo8
18Coritiba14
19Criciúma10
20Corinthians10
21Santos13
22Cruzeiro17
23Bahia23

 

Fonte: Globoesporte.com