O Botafogo conseguiu feito histórico e se classificou para as oitavas de final da Libertadores com uma rodada de antecedência. Agora, o Alvinegro encara o Estudiantes nesta quinta-feira, às 21h45, em Buenos Aires, no último jogo da fase para definir a primeira vaga do Grupo 1 com o Barcelona de Guayaquil-EQU.

O Botafogo vai com força máxima para o duelo e quer a liderança, já que a posição provavelmente evitaria o Alvinegro de encarar times brasileiros ou argentinos. Até o momento, Santos, River Plate-ARG, San Lorenzo-ARG, Atlético-MG, Lanús e Palmeiras já garantiram a ponta. O Grêmio está na iminência de repetir o feito.

Assim, caso fique em segundo do Grupo 1, o Botafogo terá pela frente um desses líderes após sorteio, o que o clube gostaria de evitar. Para o jogo desta quinta, o Alvinegro não poderá contar com o suspenso Rodrigo Pimpão e Camilo, poupado devido a dores musculares. O restante do time será usado.

“Só o Camilo será poupado. Ele está desgastado e com um incômodo no adutor. A gente não quer correr riscos com o atleta. O Pimpão está suspenso, mas vamos com força máxima. Respeitamos o Estudiantes, mas vamos buscar nosso objetivo que é o primeiro lugar no Grupo. A gente sabe que é melhor decidir em casa. Você pode fazer uma vantagem e saber jogar com o resultado no segundo jogo. Com o apoio da torcida somos muito fortes em casa”, disse o técnico Jair Ventura.

Com dez pontos ao lado do Barcelona de Guayaquil, o Botafogo pode até empatar para conseguir acabar em primeiro do grupo. Para isso, é claro, os equatorianos precisam perder para o Atlético Nacional, na Colômbia.

Fonte: UOL