O Botafogo será julgado no STJD do Futebol pelo uso de sinalizadores em sua torcida na partida contra o Sport. Denunciado por não prevenir e reprimir desordem, o clube pode ser multado entre R$ 100 e R$ 100 mil. O julgamento está agendado para a próxima quarta, dia 31 de agosto, a partir das 17h, em sessão da Quinta Comissão Disciplinar.

Segundo consta na súmula do árbitro, a partida foi paralisada aos 44 minutos do segundo tempo em razão do uso de sinalizadores por torcedores do Botafogo.

“Aos 44 minutos do segundo tempo paralisei o jogo devido a torcedores do Botafogo terem acendido artefatos sinalizadores. Solicitei ao policiamento que intervisse junto aos torcedores porém não houve necessidade da intervenção, pois os mesmos torcedores prontamente apagaram. O jogo ficou paralisado por 30 segundos”, escreveu.

Apesar dos artefatos terem sido rapidamente apagados, a Procuradoria destacou a periculosidade na utilização dos sinalizadores e lembrou que o mesmo pode atentar contra a vida das pessoas presentes no estádio.

Pelo fato, o Botafogo responderá ao artigo 213, inciso I do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

Art. 213. Deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir:

I – desordens em sua praça de desporto;

PENA: multa, de R$ 100 a R$ 100 mil.

Fonte: STJD