O Botafogo decidiu dar alguns dias a mais para o técnico Alberto Valentim e alongou a pré-temporada. Com isso, o Alvinegro usará equipe alternativa nas duas primeiras rodadas do Campeonato Carioca —perdeu para o Volta Redonda, no sábado (18), e encara o Madureira amanhã (21). Enquanto isso, os titulares farão o primeiro teste hoje (20) ao enfrentar um amistoso contra o Vitória-ES no estádio Kleber Andrade, em Cariacica.

O problema é que o clima de pressão já existe antes mesmo de os principais jogadores entrarem em campo. Isso porque o Botafogo vem de uma temporada ruim e o técnico Alberto Valentim terminou o ano questionado. Seguiu à frente do projeto porque tinha multa milionária para rescindir seu contrato. Nesse cenário, passou a ser valorizado pela diretoria, sem muita alternativa.

Mesmo que o treinador não tenha comandado o time contra o Volta Redonda, Valentim é quem define escalações e forma de jogo. O centroavante Igor Cássio, por exemplo, tem sido escalado sistematicamente como extremo desde sua chegada. Antes o atleta era usado como camisa 9 e teve bom rendimento até ser deslocado.

Bochecha é outro exemplo. Titular ao longo da temporada, o jogador perdeu espaço com a chegada de Valentim. Prova disso é que ele foi um dos poucos atletas com bons minutos no ano passado a entrar em campo na estreia do Carioca.

Mais do que tudo isso. O desempenho apresentado no primeiro jogo foi muito parecido ao que foi visto na reta final da última temporada. Após muitas dispensas e contratações específicas, esperava-se um futebol mais intenso e vertical, como o treinador tanto defende. Nada disso foi visto, no entanto.

Portanto, a situação de Valentim não é nada fácil. Ganhar e convencer contra o Vitória-ES é algo que pode ajudar o treinador neste início de temporada. Nova atuação abaixo do esperado pode tornar a pressão ainda maior.

Amistoso

Para o amistoso de hoje, o Botafogo terá que escolher sua primeira formação de titular. Alguns nomes deverão ser vistos na equipe principal, mas podem perder a vaga ao longo do ano. Um desses casos é o de Fernando. Ele viu o clube trazer Warley e Barrandeguy, ambos sem condições de jogo.

Carli é outro que inicia 2020 como titular, mas terá que mostrar que merece o voto de confiança de Valentim —Ruan Renato e Kanu vêm apresentando bom rendimento. Situação parecida com a de Guilherme Santos, que tem agora a concorrência de Danilo Barcelos. João Paulo recebeu proposta do Seattle Sounders-EUA, encaminhou sua saída do Alvinegro e ficará de fora do amistoso.

O provável time do Botafogo para o amistoso é: Gatito Fernández, Fernando Costanza, Marcelo Benevenuto, Joel Carli, Guilherme Santos; Cícero, Alex Santana, Bruno Nazário; Luiz Fernando, Luis Henrique e Pedro Raul.

Fonte: UOL