Depois de quase um ano da eliminação na heroica campanha da Libertadores de 2017, o Botafogo volta a Arena do Grêmio hoje, às 16h, e vai encontrar o Tricolor Gaúcho exatamente na mesma condição da última visita: nas quartas de final do torneio — a equipe de Renato Gaúcho eliminou o Estudiantes no meio de semana e vai brigar por uma vaga na semifinal contra o Atlético Tucumán, da Argentina. O alvinegro, por outro lado, não se classificou para a competição continental e ainda procura uma boa sequência de vitória para chegar ao fim do ano com condição de brigar por algo no Brasileiro.

O contraste atual é bem diferente do equilíbrio do duelo da temporada passada, que foi decidido com apenas um gol em 180 minutos. O Grêmio seguiu em frente para vencer a Libertadores e o Botafogo acabou perdendo a vaga para a principal competição sul-americana na última rodada do Brasileirão e viu o time mudar bastante para esta temporada. Entre jogadores lesionados e outros que deixaram o clube, apenas Matheus Fernandes e Joel Carli serão remanescentes daquele jogo da Libertadores no time titular que vai entrar em campo hoje.

Dos outros que ainda estão no time, Gatito Fernandez e Rodrigo Lindoso estão lesionados, Igor Rabello cumpre suspensão e Rodrigo Pimpão começa no banco. Brenner, que foi reserva naquele jogo da Libertadores, por outro lado, pode aparecer hoje no time titular de Zé Ricardo. Ele disputa com Aguirre, que fez seu primeiro gol pelo Botafogo no último sábado, contra o Sport.

Saulo volta; Kieza ainda não

Entre o grupo de lesionados do Botafogo, dois treinaram normalmente com o elenco durante a semana, mas só o goleiro Saulo foi relacionado para o jogo de hoje, contra o Grêmio, e a tendência é que comece jogando. Com dores na coxa direita, ele ficou de fora do jogo contra o Sport, e Diego teve a chance de ser titular. Gatito e Jefferson também seguem sem previsão de voltar, mas o paraguaio é quem está mais próximo do retorno. Já o atacante Kieza, que ainda não atuou sob o comando de Zé Ricardo, ainda vai ter que esperar mais um pouco para jogar com o técnico. Também recuperado de dores na coxa, o artilheiro do time no Campeonato Brasileiro treinou sem limitações mas não foi relacionado e ficou no Rio. Ele não atua desde 4 de agosto, quando foi titular na empate em 0 a 0 contra o Santos.

Fonte: Extra Online