Calendário do futebol em 2014 já preocupa Oswaldo: ‘Brutal’

Compartilhe:

A recente divulgação do calendário do futebol brasileiro para 2014 gerou muitas reclamações. No Botafogo não foi diferente. Com os estaduais começando no dia 12 de janeiro e vivendo a expectativa de se classificar para a Libertadores, o Alvinegro prevê um ano complicado. Para o técnico Oswaldo de Oliveira, será um esforço brutal para todos.

– Vai ser brutal, infelizmente. A inserção da Copa do Mundo, e as proporções que ela tem, vai causar um tsunami no futebol. Será um hiato de um mês no meio do ano que vai empurrar os jogos pros lados, tanto para o início quanto para o fim da temporada. Vai cair a qualidade, muitas lesões vão acontecer… O Campeonato Carioca vai começar no dia 12 de janeiro. Isso é assassinar o futebol. No Japão eu tinha janeiro de férias e fevereiro para a pré-temporada. Os jogos começavam em março. Mas aqui tenho que engolir essa situação e nem posso falar muito, se não acabo sendo prejudicado dentro de campo – frisou o treinador durante o “III Encontro de futebol: o novo não é aposta”, seminário com profissionais do futebol e jornalistas realizado nesta segunda no Rio.

Segundo Oswaldo, já passou da hora de diminuir o número de participantes nos campeonatos estaduais. Caso a medida não seja adotada a curto prazo, o treinador avisou que outras equipes vão começar a repetir a estratégia do Atlético-PR, que disputou o Paranaense de 2013 com um time alternativo para alongar sua pré-temporada.

– Acho que tínhamos de diminuir o número de clubes no estadual. É inadiável que se comece uma discussão a esse respeito. O que ocorre é que o interesse da Federação e dos clubes é que todos participem, que tenham oportunidade de enfrentar os quatro grandes. Descobrimos jogadores em equipes menores esse ano, mas de qualquer maneira, para o sucesso geral da companhia, temos que admitir que é preciso uma diminuição. Caso contrário, em breve os clubes vão ser obrigados a imitar a fórmula do Atlético-PR, que jogou o estadual de 2013 com um time sub-23. O que eu defendo é que haja uma pré-temporada maior. E um campeonato jogado com maiores intervalos entre as partidas.

Na próxima quarta-feira, o Botafogo enfrenta o Flamengo, no Maracanã, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Pelo Brasileirão, o Alvinegro volta a jogar no sábado, às 21h (de Brasília), também no Maracanã, contra a Ponte Preta.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários