Com o acesso para a elite do futebol nacional praticamente garantido, faltando apenas uma vitória, o Botafogo precisa mapear bem o mercado para poder formar uma equipe competitiva e barata, visto que o clube carioca ainda atravessa uma grande crise financeira.

Alguns jogadores que se destacaram na campanha vitoriosa na Série B, devem continuar no elenco para a disputa da Série A de 2016. Casos do zagueiro Renan Fonseca, os meias Daniel Carvalho e Élvis e o atacante uruguaio Álvaro Navarro.

Começando pela zaga alvinegra, há bons nomes e, principalmente, baratos. Ou seja, se encaixam perfeitamente na política da diretoria. Os zagueiros Renato Chaves, da Ponte Preta e Neto, da Chapecoense. Para a lateral esquerda, um nome bem interessante é de Renê, do Sport. Pelo lado direito, o alvinegro carioca pode buscar a contratação de Rodinei, também da Ponte Preta, que vem se destacando na temporada.

Com a provável saída de Willian Arão para o Flamengo, o Glorioso precisa recompor à altura a saída do seu principal jogador em 2015. Souza, volante do Bahia, que pertence ao Cruzeiro, tem feito uma ótima temporada, sendo importantíssimo para o time baiano. Rithely, volante do Sport, é mais um atleta que pode muito bem fazer parte do elenco alvinegro para o próximo ano.

No meio de campo, o time de General Severiano pode se reforçar com o meia Camilo, da Chapecoense. Cleiton Xavier, do Palmeiras, que pouco atuou na equipe paulista durante a temporada, é mais uma ótima opção. A diretoria alvinegra poderia propôr um empréstimo, com cada clube pagando 50% do salário do atleta.

Para o ataque, não faltam opções. Maikon Leite, do Sport, vem fazendo um bom Campeonato Brasileiro. No entanto, pertence ao Palmeiras. Leandro, revelado pelo Grêmio e atualmente no Santos, também é um bom nome para integrar o elenco do Botafogo para a próxima temporada. Porém, o atacante também tem vinculo com o Palmeiras. Por último, o atacante Borges, da Ponte Preta, pode ser um bom nome, apesar da sua idade um pouco avançada.

Fonte: Torcedores.com