Uma falha no sistema ocasionou uma pane nas catracas do setor leste no jogo do Botafogo contra a Ponte Preta, domingo, no Estádio Nilton Santos, pelo Campeonato Brasileiro.

Segundo relatos, muitos torcedores acabaram entrando sem passar pela roleta, já que longas filas se formaram e centenas de pessoas ficaram do lado de fora com as carteirinhas de sócio-torcedor na mão.

– As filas ficaram enormes, e eles liberaram as catracas. Abriram sem contabilizar, estava liberada, era só passar. Nós estávamos com a carteirinha, a minha mãe era a minha convidada, passamos todos direto. Era todo mundo com carteirinha de sócio-torcedor – contou a engenheira Stephanie Negri ao Globoesporte.com.

Apesar de muita gente ter entrado sem ter passado pelas catracas, o Botafogo acredita que não houve distorção entre o número divulgado de torcedores (7.711 pagantes, com 9.160 presentes) e o que realmente assistiu à vitória de 2 a 0.

– A catraca é só para ter um controle, aquele número que vai para o borderô é contabilizado na venda e no check-in ou reserva dos sócios. O borderô recebe isso direto do sistema. Se tinha gente ali sem ingresso foi muito sortudo, pode jogar na Mega-Sena, porque não tem como prever. Se entrou gente sem ser contabilizada seria só quem tem direito à gratuidade por lei – explicou Marcio Padilha, vice-presidente de comunicação do clube.

Fonte: Globoesporte.com