Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

X

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

10/04/21 às 21:05 - Raulino de Oliveira

Escudo Volta Redonda
VRE

2

X

2

Escudo Botafogo
BOT

Chamusca evita foco em Marcelo Benevenuto após derrota do Botafogo: ‘Não podemos colocar tudo na conta de um só’

73 comentários

Compartilhe

Marcelo Chamusca em Botafogo x Flamengo | Campeonato Carioca 2021
Reprodução/Botafogo TV

Perguntado pela imprensa quatro vezes sobre as recorrentes falhas defensivas de Marcelo Benevenuto, o técnico Marcelo Chamusca evitou individualizar a análise após a derrota do Botafogo para o Flamengo por 2 a 0 nesta quarta-feira, pelo Campeonato Carioca.

– Eu vou analisar, ainda não vi as imagens do gol que sofremos. A função do treinador é analisar a performance do atleta, analisar o contexto de cada jogo, analisar o que é melhor para o Botafogo. Se achar que tem que começar outra formatação, não tem problema nenhum. Sou contra qualquer tipo de injustiça. Não podemos ficar generalizando nem individualizando, pode ser um precedente perigoso. Temos que ter calma, meu trabalho é escolher os melhores e é isso que faremos com tranquilidade – afirmou, completando:

Quero ser justo. Ele fez seis jogos comigo, nos primeiro quatro jogos não teve qualquer tipo de problema. O emocional dele está muito tranquilo. Conversamos muito com ele, vemos nele qualidades interessantes principalmente para o perfil da competição que iremos disputar. Sei que existe um desgaste, temos todo o cuidado. Em momento nenhum o atleta demostrou algum desequilíbrio. Não podemos colocar tudo na conta de um só jogador.

Para o próximo jogo, contra o Nova Iguaçu, Chamusca já terá à disposição o zagueiro Carli, que não foi regularizado a tempo de enfrentar o Flamengo. Gilvan, outro reforço experiente para o setor, entrou no segundo tempo do clássico desta quarta-feira.

– Tínhamos quatro opções para o setor: Benevenuto, Kanu, Gilvan e Ewerton, um garoto da base. Estamos trazendo o garoto para ir maturando, é um atleta de qualidade. Com a ausência do Sousa e a não regularização do Carli, temos poucas opções para o setor. Vamos analisar essa situação com calma, não gosto de ficar individualizando porque no futebol a maioria das situações são coletivas. Não vamos inventar, nem expôr um atleta da base que ainda não está preparado para jogar. Quando tivermos todos à disposição, qualquer um pode jogar – acrescentou.

*Atualizado à 00h45

Fonte: Redação FogãoNET

Comentários