Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

X

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

10/04/21 às 21:05 - Raulino de Oliveira

Escudo Volta Redonda
VRE

X

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

04/04/21 às 17:00 - Giulite Coutinho

Escudo Botafogo
BOT

1

X

1

Escudo Portuguesa
POR

Chamusca revela precaução com Ronald e explica planejamento para reforços visando Moto Club x Botafogo

comentários

Compartilhe

Entrevista coletiva de Marcelo Chamusca em Botafogo x Resende | Campeonato Carioca 2021
Reprodução/Botafogo TV

O Botafogo teve neste domingo as estreias do goleiro Douglas Borges, do volante Pedro Castro e do lateral-direito Jonathan diante do Resende, e o trio agradou. No entanto, tudo foi planejado levando em conta o jogo da próxima quarta-feira, contra o Moto Club, pela Copa do Brasil.

– O Jonathan era quem estava na melhor condição e estava jogando a Série A até poucos dias atrás. O Pedro Castro, pelo tempo de inatividade, programamos entre 60 a 70 minutos, e a ideia era também dar minutagem ao Zé Welison. O planejamento era revezar os dois jogadores e já começar a pensar no jogo decisivo que temos quarta – explicou o técnico Marcelo Chamusca.

Outra novidade foi Ronald, que já havia estreado, mas teve neste domingo sua primeira oportunidade como titular. O atacante foi bem, contribuiu com uma assistência, mas foi substituído no intervalo por conta de um problema médico.

– Tínhamos a intenção de dar uma minutagem maior ao Ronald. A ideia era trabalhar no máximo 60 minutos, mas ele sentiu, tomou uma pancada e pediu para sair no intervalo. Mas eu fiquei satisfeito com a performance física de todos eles (os reforços) – completou o treinador.

Fonte: Redação FogãoNET

Comentários