No Botafogo desde abril, o meia Daniel Carvalho somente agora encontrou sua forma física ideal no clube. O jogador finalmente superou os dois anos de inatividade e conseguiu emplacar duas partidas inteiras consecutivamente, o que ainda não tinha feito em General Severiano. E o mais importante: foi essencial na vitória na segunda delas, o 1 a 0 sobre o Bahia no sábado, pela 33ª rodada da Série B.

O camisa 10 do Botafogo foi muito elogiado pelo técnico Ricardo Gomes após a vitória sobre o Bahia. A desenvoltura de Daniel Carvalho mesmo tendo que atuar por períodos maiores que durante a temporada agradou o treinador. Mesmo importante para o time, este foi apenas o terceiro jogo em que o meia ficou em campo por 90 minutos pela equipe.

“O jogador que para por dois anos não consegue voltar rapidamente a jogar como antes. O Daniel apesar da idade, tem velocidade, técnica, faltava ritmo. Nesse ano pagou o preço, mas agora está bem. Ele tenta sempre o melhor, e agora está no seu melhor. Não estou inventando nada, fez dois últimos jogos muito bons”, disse Ricardo, lembrando a participação do jogador na goleada por 4 a 1 sobre o Náutico.

O papel importante de Daniel Carvalho no Botafogo não é novidade. O meia tem 18 jogos como titular na temporada, mesmo sem aguentar partidas completas por causa de sua condição física.

Aos 32 anos, ele sentiu a dificuldade de recuperar a forma depois de passar dois anos sem atuar profissionalmente.

O momento de Daniel Carvalho também contribui para a boa fase do meio-campo alvinegro, que vive um de seus auges na Série B. O setor tem sido o motor do time mesmo quando desfalcado de seus atacantes, como foi contra o Bahia, sem Navarro e Sassá, lesionado no primeiro tempo.

“Daniel Carvalho tem ido muito bem nesse segundo turno, agora está realmente em forma. O meio está muito bem. Rodrigo (Lindoso), Camacho, Willian (Arão)… nosso meio de campo, o nosso time não é de segunda divisão”, avaliou Ricardo.

No duelo com o Bahia chamou a atenção a resistência de Daniel apesar do forte calor que fazia no Rio de Janeiro. Agora, a expectativa é que ele possa ajudar da mesma forma na 34ª rodada, quando o time pode garantir a volta à Série A com uma vitória sobre o Criciúma, no Heriberto Hulse, no próximo sábado.

Fonte: O Tempo