Derrota tem recorde de passes errados. Seedorf e Lodeiro mal

Compartilhe:

Segunda derrota seguida em casa para um time que briga na parte de baixo da tabela, possibilidade de cair para 4ª posição na classificação e ver o Cruzeiro abrir 11 pontos de vantagem. A fase do Botafogo é preocupante e o time parece estar sentindo isso em campo. Após a partida contra a Ponte, alguns jogadores saíram de campo pedindo calma e tranquilidade. O nervosismo do time pode ser medido pela quantidade de passes errados, que neste sábado teve seu recorde batido pelo Alvinegro no Brasileirão. Foram 58, dez a mais que a marca anterior, alcançada contra Corinthians (1 x 0), São Paulo (0 x 0) e Vitória (2 x 0).

Na derrota para a Ponte Preta, os dois jogadores que mais erraram foram Lodeiro e Seedorf, teoricamente os dois jogadores que deveriam criar as jogadas. O uruguaio errou 11 passes dos 72 que tentou. Já o holandês não acertou nove de 54. Essa dificuldade no elemento mais básico do futebol limitou a criação de jogadas. O Alvinegro, que teve 61% de posse de bola, criou apenas três chances reais de gols.

Por enquanto em 2º lugar na classificação com 42 pontos, o Botafogo volta a jogar na próxima quarta-feira, no Maracanã. A partida é contra o Fluminense, em 6º na tabela antes dos jogos de domingo, com 33 pontos, às 21h (de Brasília).



Fonte: Globoesporte.com
Comentários