Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 00:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Dória espera voltar ao Botafogo e recorda estreia com gol contra: ‘Pensei que nunca mais iria ser jogador’

0 comentários

Compartilhe

Dória - Madureira x Botafogo - Carioca-2013
Fábio Castro/AGIF

Com a situação financeira muito ruim, o Botafogo tem recorrido sempre aos jovens formados nas categorias de base. Um exemplo foi Dória, zagueiro que estreou nos profissionais em 2012 com apenas 17 anos de idade. Atualmente no Santos Laguna, do México, ele teve uma estreia com a camisa alvinegra para lá de marcante.

Com apenas 28 segundos de jogo, Dória acabou desviando um chute de Lincoln e marcando um “gol contra”, num Coritiba x Botafogo pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro daquele ano. O garoto, porém, não se abateu e teve ótima atuação, ajudando o Glorioso a virar a partida e vencer por 3 a 2 no Couto Pereira. Ele admite que temeu ali pela continuidade da sua carreira.

– Não esperava jogar, tinha feito uma boa Copinha e o pessoal do profissional gostou de mim. Eu tinha 17 anos e era juvenil ainda, tinha muita gente na minha frente, quando o Oswaldo (de Oliveira, técnico) me chamou dizendo que eu ia jogar a ficha demorou a cair. No Couto Pereira, com 30 segundos o jogador do Coritiba chutou, a bola bateu na minha canela, não tinha nada a ver com a jogada, e foi gol contra. Pensei: “E agora, o que que eu faço? Já era, nunca mais serei jogador, estraguei tudo!” (risos) Mas consegui dar a volta por cima, vencemos após muito tempo sem ganhar lá e ficou marcado. É muito difícil controlar os nervos na situação que foi. Sempre lembro dessa situação quando estou num momento negativo – contou Dória ao site Globoesporte.com, agradecendo o apoio dos companheiros na ocasião:

– Lembro muito das palavras do Maicosuel, de que nem parecia que eu era um menino, elogiando a vontade, a entrega, todos me deram os parabéns, me abraçaram muito, falaram que o gol contra faz parte, coisas que acontecem na nossa posição, às vez uma falta de sorte… Me jogaram para cima, me deram muita moral.

Meta de chegar ao 100º jogo no Botafogo

Dória chegou ao Botafogo aos 13 anos de idade e ficou até 2014, tendo chegado às Seleções Brasileiras de base. De lá seguiu para o Olympique de Marselha, onde acumulou empréstimos a São Paulo, Granada (ESP) e Malatyaspor (TUR). Está no Santos Laguna desde 2018 e é titular absoluto da equipe, sente-se bem no México, mas pretende um dia retornar ao Glorioso.

– Espero um dia poder voltar, buscar títulos e tenho o sonho de atingir 100 jogos pelo Botafogo, faltam só mais sete – frisou Dória, que está 25 anos.

Relembre o jogo da estreia de Dória:

Fonte: Redação FogãoNET e Globoesporte.com

Comentários