Perguntado sobre as vaias da torcida após o apito final na derrota do Botafogo para o Santos por 1 a 0 neste domingo, no Estádio Nilton Santos, o técnico Eduardo Barroca tratou de dar razão e elogiar o comportamento dos torcedores. O Glorioso está há três jogos no Brasileiro sem vencer e sem marcar gols.

– Torcedor vaiou porque esperou que ganhássemos e jogássemos melhor que o adversário, e o adversário ganhou o jogo. O torcedor do Botafogo hoje apoiou o tempo todo, esteve do nosso lado nos momentos difíceis, mas ele vai no embalo do time. Precisamos ser locomotiva nesse trem, não podemos ser vagão. Precisamos jogar bem, ter atitude que aí a torcida vai vir com a gente. É bem simples – disse.

Barroca adotou o tom da resiliência e serenidade ao comentar o tropeço diante do vice-líder Santos e disse que o Botafogo ainda precisa crescer muito:

– Preciso ter clareza no que estabeleci de metas para não errar a mão na hora de cobrar. Antes da Copa América, começamos perdendo para o São Paulo e vencendo o Fortaleza. Agora empatamos e perdemos. Não quero cobrar equivocadamente. Temos dez jogos nesse segundo ciclo para conseguir uma pontuação adequada e tenho duas fases de Sul-Americana no meio. Temos muito a crescer, a responsabilidade é minha e temos trabalhado duro. Tenho muita confiança de que vamos passar por cima dessas dificuldades e vamos prosperar.

Fonte: Redação FogãoNET