O jornal Lance! trouxe em sua edição desta quarta-feira uma declaração do agora novo diretor técnico do Botafogo Wilson Gottardo sobre os protestos feito pelos jogadores no primeiro semestre em relação aos salários atrasados. Wilson Gottardo comentou o episódio em abril, no programa “A Última Palavra”, da Fox Sports, e classificou a atitude dos jogadores como “falta de respeito”.

– Quase nunca recebi em dia e nunca pensei em fazer greve, nunca concordei com isso. Como não convivo no dia a dia (do clube), não sei quem encabeçou esse movimento, mas pela postura que ele (Bolívar) tem, Jefferson e alguns líderes, acho que não podia fazer isso. Encaro como uma falta de respeito. Aí já entra uma posição do comando técnico em permitir isso – disse Gottardo, à época técnico do São José-SP.

Fonte: Redação FogãoNET