O Jogo da Amizade no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, foi marcado por vaias e perseguições a alguns jogadores. O volante do Flamengo, William Arão foi muito vaiado por torcedores do Botafogo, seu ex-clube. Fagner, lateral do Corinthians foi perseguido por Flamenguistas por conta da dura entrada que deu em Ederson, em 2016.

A torcida do Botafogo mostrou ainda ter mágoas por William Arão ter trocado o alvinegro por seu maior rival. No início de 2016, o atleta recusou a proposta do Fogão para permanecer no clube na última temporada e acertou com o Flamengo. O caso serviu para causar ainda mais intriga entra as diretorias de Fla e Bota.

O caso de Fagner já era esperado. O jogador corintiano protagonizou o lance que afastou o meio-campo Ederson dos gramados desde o meio do ano passado. O meia do Flamengo está em fase final de tratamento e deve voltar a atuar após o término do Campeonato Carioca 2017. Todas as vezes em que pegou a bola, o lateral foi vaiado.

Fonte: Torcedores.com