Fator Lodeiro: meia está em jejum desde a volta da seleção

Compartilhe:

Lodeiro se tornou um dos pilares do Botafogo, principalmente com a saída de Fellype Gabriel para o Sharjah, dos Emirados Árabes. No entanto, o meia vive um momento diferente do que está acostumado em seu clube atual. Ele não faz um gol desde a vitória por 2 a 1 sobre o Cruzeiro, no dia 1 de junho, quando marcou os dois do alvinegro na partida. O jejum coincide com o retorno do jogador após defender a seleção uruguaia na Copa das Confederações e atuar em apenas dois jogos, sendo um deles como titular. O grupo procura dar apoio ao camisa 14 como pode.

Na quinta-feira, quando o Botafogo enfrentar o Vitória no Maracanã, Lodeiro vai completar dois meses sem balançar a rede com a camisa alvinegra. Pelo Uruguai, ele fez um gol na goleada por 8 a 0 sobre o Taiti na Copa das Confederações. Ele também atuou no segundo tempo da derrota por 2 a 1 para a Espanha.

– Lodeiro está treinando forte. Na seleção é diferente daqui e ele tem isso em mente. Conversei com ele, dizendo que nos últimos dois jogos ele voltou ao seu ritmo normal e contra o Flamengo fez excelente partida, com aquela dinâmica de antes da parada (para a Copa das Confederações). Estamos ajudando nessa retomada, e ele também vai ajudar a gente bastante no campeonato – analisou o volante Gabriel.

lodeiro botafogo treino (Foto: Satiro Sodré / SSPress)
Lodeiro vive seca após atuar só duas vezes em um mês pelo Uruguai (Foto: Satiro Sodré / SSPress)

Antes de deixar o Botafogo para servir a seleção uruguaia, Lodeiro havia marcado dez gols em 21 jogos e liderava a artilharia do time no ano. Agora, divide o posto com Seedorf e Rafael Marques, que sabe bem como é essa situação de ficar em um longo jejum – o atacante só balançou a rede pela primeira vez na equipe em seu 21º jogo.

– Tem uma cobrança pessoal e outra dentro do grupo. A gente procura conversar bastante e ver o que pode melhorar. Isso deve incomodar o Lodeiro, mas primeiro pensamos em ajudar a equipe – disse Rafael Marques.



Fonte: Globoesporte.com
Comentários