Fora do G-4 após 5 meses, Oswaldo crê em reação: ‘Já demonstramos isso antes’

Compartilhe:

Cinco meses e cinco dias depois, o Botafogo deixou o G-4 do Campeonato Brasileiro com o empate em 0 a 0 com a Portuguesa, nesta quarta-feira, no Maracanã. Apesar da cobrança da torcida, que voltou a vaiar o time e chegou a cercar o ônibus da delegação na saída do Maracanã, chamando até Seedorf de mercenário, o técnico Oswaldo de Oliveira acredita na recuperação já contra o Atlético-PR, neste sábado, no Maracanã.

– Claro que é objetivo da Libertadores continua. Tivemos uma conversa longa no vestiário porque não há tempo a perder. Sábado já está aí e não podemos baixar a cabeça porque levamos um golpe. Vamos continuar lutando.Demonstramos o ano inteiro que temos força para reagir. a situações adversas – analisou o treinador alvinegro.

A má campanha do time no returno do Brasileiro – nos últimos 13 jogos foram apenas três vitórias – não preocupa o treinador. Oswaldo prefere analisar a competição de forma geral para acreditar que o sonho da Libertadores ainda é possível.

– O campeonato é uma coisa só. Não podemos dividir para analisar como é conveniente. Eu estranharia se não ficássemos tristes e abatidos. Mas não podemos admitir a situação como definitiva.

Fonte: Extra Online

Comentários