O grupo político Grande Salto, que participou das duas últimas eleições do Botafogo, criticou o clima de disputa durante a pandemia do novo coronavírus. Liderado por Marcelo Guimarães, ex-diretor de marketing e hoje conselheiro, o grupo de oposição pede adiamento do tema e profissionalismo no clube.

Até o momento, o empresário Durcesio Mello lançou candidatura e o advogado Walmer Machado deve confirmar após a pandemia.

Confira a nota do Grande Salto, divulgada pelo site “Globoesporte.com”:

“O GRANDE SALTO e parte da coligação FUTURO ALVINEGRO sugerem adiamento do debate eleitoral no Botafogo de Futebol e Regatas.

Os enormes e urgentes desafios humanitários impostos pela pandemia tornam, segundo nosso entendimento, fora de propósito a antecipação do debate eleitoral Alvinegro, com lançamentos de candidaturas, em meio ao terrível caos sanitário em andamento. Reforça nosso entendimento o fato de faltarem sete meses para o pleito, que ocorrerá somente em 25 de novembro, em meio a um cronograma do futebol carioca, brasileiro, sul-americano e mundial repleto de incertezas.

Adiciona-se à pandemia, que já seria razão mais do que suficiente para dar suporte à decisão de propor o adiamento do debate eleitoral, o fato de que esse debate, com o natural aumento da temperatura entre as partes, prejudicaria ainda mais o desenvolvimento das atividades do clube nesse momento tão desafiador, que precisa muito mais de ajuda do que de críticas e rusgas, marcas naturais de um embate eleitoral.

Sendo assim, nós do GRANDE SALTO e parte da coligação FUTURO ALVINEGRO, a despeito de respeitarmos as candidaturas lançadas, decidimos não entrar agora no debate eleitoral.

A despeito da enorme relevância do pleito, que reconhecemos quando disputamos as duas últimas eleições, e da decisão de seguirmos participando, com nossa energia, ideias e projetos para a construção de um novo Botafogo PROFISSIONAL, que defendemos desde a eleição de 2014, fica adiada a decisão sobre os caminhos que vamos adotar em relação às possibilidades eleitorais do clube.

Na certeza de que seremos compreendidos em nossa posição, convocamos a todos, incluindo os legítimos postulantes, a refletirem sobre a nossa decisão.”

Fonte: Globoesporte.com