Após a demissão de Eduardo Barroca, o Botafogo vai a campo nesta quarta-feira, contra o Goiás, no Nilton Santos, pelo Campeonato Brasileiro, com Bruno Lazaroni no comando da equipe. O interino falou com a imprensa e afirmou que está preparado para assumir a responsabilidade neste momento da carreira.

“Eu venho me preparando. Joguei profissionalmente por 12 anos, além do Brasil em outros três países. Depois que parei de jogar, procurei me capacitar, fiz faculdade de Educação Física, fiz todos os cursos da CBF. Então encaro isso com muita naturalidade. As coisas acontecem naturalmente e, se em algum dia isso vier a acontecer, vou ficar feliz. Tenho planos, óbvio, mas o momento agora é de ajudar o Botafogo”, disse.

Bruno Lazaroni é filho de Sebastião Lazaroni, ex-treinador da Seleção Brasileira. O comandante alvinegro admitiu que busca conselhos com o pai.

“Claro que sim, ter um coach praticamente dentro de casa e não utilizá-lo seria pouco inteligente da minha parte. Conversei com ele, ele me passou um pouco da experiência dele nos diversos clubes que trabalhou. Foi, tem sido importante e vai ser importante pro resto da minha vida. Espero que ele venha ao jogo e a gente possa sair com um bom resultado”, declarou.

Sobre o confronto contra o Goiás, Bruno Lazaroni falou sobre o que vai tentar fazer para melhorar a atuação do Botafogo.

“Eu compartilho das ideias, da forma, estava presente nas decisões do dia a dia, então é tentar resgatar os bons momentos que nós tivemos, trabalhar com simplicidade e sinceridade, mostrar a eles que são capazes. Temos que aumentar nosso repertório ofensivo e melhorar nossa parte defensiva, mas isso é muito mais na conversa, mostrando vídeos e passando confiança, porque já fizeram coisas boas”, finalizou.

Vote na enquete abaixo:

Fonte: Gazeta Esportiva