O Botafogo voltou a ser derrotado, mas dessa vez pela Copa do Brasil. Nesta quinta-feira (29), o Alvinegro encarou o Atlético-MG, fora de casa, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, e perdeu por 1 a 0 (gol marcado por Cazares). Mesmo com um jogador a mais durante todo o segundo tempo, a equipe carioca não conseguiu superar o time mineiro.

Após a derrota, Jair Ventura concedeu entrevista coletiva e tentou explicou o resultado negativo do Botafogo diante do Atlético-MG.

“Ano passado nós fizemos muitos gols no final do jogo, as pessoas perguntavam se tinha alguma coisa ensaiada. Então foi acaso. Não foi por falta de falar, a gente sabia da força do Atlético-MG, principalmente nos minutos iniciais da partida. Eles fizeram aquela pressão, com muitas bolas alçadas na área, num descuido nosso ali acabamos tomando gol no início. Então foram 10, 12 minutos que tiveram a superioridade, depois o Botafogo entrou na partida. Lógico que já tínhamos sofrido gol, mas jogamos de igual para igual. Tivemos uma chance clara aqui com o Bruno (Silva), corrigimos alguns aspectos e voltamos na minha concepção melhor no jogo, mesmo antes da expulsão. Depois criamos mais chances ainda, mas são só indicadores, não quer dizer nada no futebol. Tivemos mais posse de bola, finalização”.

Botafogo e Atlético fazem o jogo de volta no próximo dia 26 de julho, no Estádio Nilton Santos. Para Jair Ventura, nada está decidido e garantiu que o Alvinegro tem condição de virar o placar.

“De tudo, o que a gente tira é que acabou o primeiro tempo dos jogos e tem um placar mínimo. Temos totais condições de reverter jogando em casa, com o apoio da nossa torcida”.

Fonte: Esporte Interativo