Após a vitória de quinta-feira, sobre o Atlético Nacional (COL), o Botafogo precisava “virar a chave” e obter a primeira vitória no Campeonato Brasileiro. E ela foi obtida também em casa, após o tropeço contra o Grêmio, no domingo passado, na primeira rodada da competição. Diante de tudo isso, o técnico Jair Ventura vibrou com a forma por meio da qual os três primeiros pontos da equipe foram obtidos.

– Realmente, hoje era o meu maior dificultador. Tivemos que virar a chave do jogo da Libertadores, quando tivemos um desgaste físico e emocional. Jogar contra o campeão da América causa um desgaste. E, no Brasileiro, cada ponto é importantíssimo. Virar a chave é importante para pontuar – explicou o treinador, que completou:

– Conversei bastante com eles. Não poderíamos deixar para depois. Grande parabéns para eles (jogadores), hoje, por isso. Fizeram um grande jogo, controle total diante de um adversário muito bom, vice-campeã paulista.

O Botafogo se reapresenta nesta segunda-feira, para treino regenerativo no mesmo Estádio Nilton Santos. O próximo compromisso é novamente pela Libertadores, contra o Estudiantes (ARG). Classificado, o Glorioso briga, agora, pela liderança do grupo.

Fonte: Terra