Lucas entra na fase final de recuperação, mas vê ‘concorrentes’ crescerem no Bota

Compartilhe:

ucas está em contagem regressiva para voltar aos gramados. Há três meses sem jogar por conta de uma fratura no tornozelo esquerdo, o lateral-direito entra na fase final de recuperação, mas vai encontrar um panorama totalmente diferente na sua posição e terá que cortar um dobrado para voltar a ser titular absoluto.

Lucas está mais próximo de voltar aos gramados

Foto:  Divulgação

Autor do gol da conquista da Taça Guanabara sobre o Vasco, Lucas viveu um primeiro semestre de redenção. Se no ano passado foi considerado por muitos o vilão da perda do Campeonato Carioca e da eliminação da Copa do Brasil por ter sido expulso nas duas competições, em 2013 ele reconquistou a confiança da torcida até sofrer a fratura na derrota para o Grêmio pela 7ª rodada do Brasileirão.

RESERVAS VÃO BEM

A ausência do lateral-direito por pelo menos três meses preocupou o técnico Oswaldo de Oliveira, mas os reservas conseguiram dar conta do recado. Primeiro, o jovem Gilberto, que havia atuado no Carioca, tomou conta da posição e se impôs como um verdadeiro veterano. Uma lesão muscular acabou interrompendo sua ótima sequência e abriu brecha para Edílson, que chegou ao Botafogo Neste ano, depois de rescindir com o Grêmio.

O jogador de 27 anos superou a insatisfação do treinador alvinegro pelo atraso na reapresentação após o título carioca, ganhou confiança, marcou dois gols e, atualmente, é o titular.

Para ‘furar a fila’ e retomar seu espaço, Lucas terá que mostrar serviço logo assim que voltar. A previsão é que esteja à disposição de Oswaldo entre o fim deste mês e o início de novembro, ainda a tempo de ajudar o Alvinegro no Brasileiro.

Fonte: O Dia Online

Comentários