Autor do gol da vitória do Botafogo sobre a Chapecoense nesta quinta-feira, na Arena Condá, o atacante Luiz Fernando não quis cravar que o objetivo do Botafogo de escapar do rebaixamento foi concretizado, mas deixou a entender que o clube pode, sim, lutar por algo maior no Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Botafogo ficou na 11ª colocação, com 44 pontos, dentro da zona de classificação da Copa Sul-Americana, seis pontos atrás da faixa de classificação para a Libertadores, a quatro rodadas do fim. A distância para a zona de rebaixamento é de sete pontos.

– Não podemos pensar assim (permanência garantida), ainda temos mais quatro batalhas para lutar até o final por coisas maiores. Nosso primeiro objetivo era esse (não ser rebaixado), mas ainda não tem nada concreto – disse Luiz Fernando ao canal Premiere, desabafando na sequência:

– Muitos falam que esse grupo é um grupo só para contar, mas é um grupo do caralho. Não podemos ficar brigando lá embaixo, ali não é lugar para o Botafogo, o Botafogo tem que brigar lá em cima. Começamos o campeonato mal, agora vamos trabalhar ainda mais fortes para almejar algo lá em cima.

O Botafogo terá pela frente Internacional (domingo, em casa), Santos (na Vila Belmiro), Paraná (Nilton Santos) e Atlético-MG (Independência).

Fonte: Redação FogãoNET