Renan Fonseca marcava Riascos quando Jefferson foi surpreendido pelo baixinho Jorge Henrique, de 1,69m, na tentativa de desviar o cruzamento de Nenê. A falha foi do capitão, que já salvou o Botafogo em muitas ocasiões foi perdoada. Com união, o Alvinegro encara com seriedade a chance de revanche no domingo.

“É uma tomada de decisão. Ele (Jefferson) estava no meio do caminho, optou por sair. Não o escutei. O zagueiro tem uma visão ampla. Tentei escorar o Riascos, para o Jefferson vir e pegar a bola. O Jorge Henrique nem vi de onde veio”, disse Renan ao ‘Seleção SporTV’.

Fonte: O Dia Online e SporTV