Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 00:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Solução? Tanque Ferreyra ‘decepciona’ e deixa ataque do Botafogo em xeque

0 comentários

Compartilhe

Sem uma grande contratação para o ataque, o Botafogo viu toda a expectativa da torcida recair sobre Tanque Ferreyra. Titular do Olímpia-PAR na última Libertadores, o atacante é um dos principais reforços do Alvinegro até o momento. O atacante, no entanto, falhou em sua estreia pelo clube de General Severiano e teve atuação bem abaixo do esperado por todos.

Além de Tanque Ferreyra, Elias, Henrique, Sassá e Yguinho são as outras opções do ataque do Botafogo. De todos eles, é em Elias que a torcida ainda tem esperanças, já que ele foi titular no último Brasileiro, na campanha que recolocou o Alvinegro na Libertadores após 17 anos.

Sob desconfiança, o ataque do Botafogo terá papel fundamental para manter a equipe na Libertadores. Após perder por 1 a 0 para o Deportivo Quito, na última quarta-feira, no jogo de ida da primeira fase da Libertadores, o Alvinegro terá que vencer os equatorianos no Maracanã por dois gols de diferença.

Para o capitão do time, a forma como o Botafogo jogou não favoreceu Tanque Ferreyra, que apesar da altura, gosta de jogar com toque de bola. Jefferson lembra que foi um dia ruim da equipe e aposta em uma reviravolta no quadro no Maracanã, na próxima quarta-feira.

“Ferreyra é grande, mas com qualidade. É difícil ver isso. Ele tem qualidade por cima, mas joga muito bem por baixo. Eduardo Hungaro falou: ele protege, sabe virar bola, bater com os dois pés. Talvez tenhamos pensado o contrário, de jogar a bola por cima para ele. O time falou que queria tocar, mas o campo estava pesado e ainda tinha a altitude. Aqui no Maracanã será diferente”, disse o goleiro.

E para esse confronto, o Botafogo poderá iniciar uma partida com seu time titular com dois atacantes pela primeira vez em dois anos. Isso porque sob o comando de Oswaldo de Oliveira, o Alvinegro sempre formou a equipe no 4-2-3-1. Eduardo Hungaro, por sua vez, já demonstrou que prefere o 4-4-2 e poderá escalar Tanque Ferreyra juntamente com Elias ou Wallyson.

Botafogo e Deportivo Quito voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, no Maracanã. Para avançar, o Alvinegro terá que vencer por dois gols de diferença. Caso triunfe por 1 a 0, a vaga será decidida nos pênaltis. Quem avançar entrará no Grupo 2 da Libertadores, que conta com San Lorenzo-ARG e Unión Española-CHI e Independiente del Valle-EQU. Antes, a equipe de General Severiano terá pela frente o Vasco, neste domingo, às 19h30, no Maracanã, pelo Carioca.

Comentários