Um grupo de 47 torcedores do Colo-Colo foi detido na noite deste domingo próximo a Cerrito, na província de Entre Ríos, na Argentina, enquanto viajavam para o Rio de Janeiro num ônibus para assistir à partida contra o Botafogo, quarta-feira, pela Copa Libertadores da América.

A polícia local parou o coletivo para uma inspeção geral, quando uma jovem de 19 anos contou aos policiais que havia sido obrigada a viajar com os demais integrantes, e que depois foi drogada e forçada a ter relações sexuais com os torcedores, desde que o ônibus saiu do Chile.

Segundo o site argentino “Elonce”, o médico da polícia local confirmou a informação de que a jovem foi abusada sexualmente. Todas as 47 pessoas – oito mulheres e 39 homens, incluindo os motoristas -, estão detidas no ginásio da escola de Suboficiais da Polícia em Paraná, capital de Entre Ríos.

Fonte: Elonce